Carlos Melo

Consternados recebemos a seguinte mensagem do bambuzeiro Jorge Vieira:

É com pesar que lamento informar o falecimento do companheiro Carlos Melo, ocorrido na sexta-feira, 10.
Carlos lutava contra um câncer há alguns meses, cuja evolução agravou sua saúde nas últimas semanas.
Bambuzeiro desde 2001, Carlos se notabilizou por seu empenho no desenvolvimento de instrumentos musicais em bambu.
Sua veia artística também transitou nas artes plásticas, com destaque no universo das esculturas (gostava de se apresentar como escultor)e na música, como baixista.
Defensor vibrante de suas ideias, seu jeito acalorado contrastava com a imensa satisfação de ensinar o que sabia, especialmente na cultura do bambu.
De minha experiência com o Carlos, vivida ao longo de 20 anos, com inúmeras ações conjuntas, também pontuada por desencontros pela imaturidade típica do ser humano, fica a saudade do amigo simples e apaixonado pelo que fazia, e a gratidão por ter tido imensa importância na minha inclusão no universo do bambu.

Um abraço a todos
Jorge Vieira

Comments are closed.