Obra-Prima da Natureza

Almanaque Brasil – Edição de Maio/2010

Incrível que uma haste tão leve e flexível seja tão resistente – de bambu os construtores do Taj Mahal fizeram a estrutura da cúpula, que durou 400 anos. E a planta que fornece de vara de pescar a isolante de nave espacial ainda faz bem ao meio ambiente.

Vivem em Santa Catarina alguns especialistas em bambu. Um deles, Marcos Marques, engenheiro pela Politécnica de São Paulo, nos recebe em seu ateliê de Florianópolis para uma “aula” de duas horas. Recém chegou da China, onde pesquisou junto a um povo que usa bambu de quatro mil maneiras, nas áreas de alimentação, proteção ambiental; fabrico de utensílios domésticos, instrumentos musicais, móveis, bicicletas, charretes; artesanato, artes plásticas. Em Hangzhou, a 1.200 quilômetros de Pequim, ele entrou num hipermercado para fotografar derivados de bambu. No vigésimo item parou, aquilo não ia acabar nunca.
“O chinês não tem floresta de árvore”, observa Marcos. “Há mais de quatro mil anos seus historiadores já escreviam em ripas de bambu com carvão de bambu: está na cultura deles. Já o Brasil tem cultura de árvore, está no nome, pau-brasil. Então o brasileiro diz: ‘Pra que bambu?’”
Ora, inclusive pra coisas que a gente nem imagina: bambucreto, concreto reforçado; isolante das naves espaciais da Nasa; ou, por ser rico em silício, entrar em ressonância e emitir vibrações magnéticas, até como material para uso terapêutico.

Marcos acha que devemos acelerar seu uso. “Como é que não temos uma política do bambu?”, questiona, salientando outros benefícios: preservar florestas, recuperar solos, reflorestar, conter encostas, repor mata ciliar. Tudo isso ele observou na Austrália, onde viveu e estudou permacultura. “Lá é árido, eles movimentam muita terra para obter água. E, para segurar barragens, plantam bambu.” Na passagem para o terceiro milênio, deitado sob um bambuzal australiano, teve um estalo e disse para si mesmo: “O caminho é por aí”.
Marcos abre uma bolsa de lona de quase dois metros de comprimento e passa a nos apresentar objetos trazidos da China, tudo de bambu (leia na outra página.) Acrescenta que lá também fazem pontes, templos, prédios de até cinco andares. E cita Confúcio (séc. 5 a.C.), que disse: “Dê-me um bambuzal, e construirei uma civilização”.

Dez dias depois de reclamar da falta de apoio oficial, ele próprio descobriu e nos enviou reportagem da Gazeta de Piracicaba, dando conta de que “o governo brasileiro se rendeu às inúmeras vantagens do uso do bambu como matéria-prima na construção civil e está investindo em pesquisas”. Veremos na próxima edição do Almanaque, nessa mesma seção, as perspectivas que se descortinam.

Um asiático verde-amarelo

O vento sul bateu a 90 por hora e nos destelhou a casa no Ribeirão da Ilha, em Florianópolis. Corrigimos o desleixo do construtor (não “amarrou” o telheiro); e, para maior proteção, a jardineira Dilma plantou bambu, que aos 3 anos já se estica aos 20 metros e logo será uma barreira contra ventanias. É um babusa vulgaris vittata, asiático. Há o nativo guadua chacoensis, bom também, mas Marcos orientou a adotar nesta seção o nome científico do asiático: “É mais conhecido e tem as cores da bandeira.” A haste madura é verde-amarela.

Três advertências de quem conhece

1) Não colher brotos a esmo para comer: alguns contêm muito ácido cianídrico, pode ser letal;
2) Se quiser cultivar, escolha a espécie entouceirante:
a alastrante é “um perigo ambiental”;
3) Planeje bem: depois que vira mata, “você só tira com retroescavadeira”.

Falar em planta de mil usos é pouco

De sua bolsona, Marcos vai tirando chapéu, bengala, sabonete, pasta de dente; cabide, mãozinha de coçar costas; tapa-olho recheado com carvão (tira olheiras), sachês de carvão para tirar umidade e cheiros de ambientes (nos hotéis, diz ele, “todo aposento que eu entrava, tinha um atrás da porta”); gamelas (lindas, parecem de cerâmica pintada); pegador de alimentos, concha, espátula, apoio de pratos, faca de pão; rastelo; placa de aparas prensadas para assoalho (“a prensa, em Hangzhou, tem 18 metros de altura”). Encerra com um vidro de vinagre, que, segundo diz, serve pra tudo: “Lá, se alguém tem um ferimento, inflamação na pele, o povo fala ‘Passa vinagre de bambu, que sara’”.
Ele não trouxe, mas mostra uma ilustração de prótese para substituir perna amputada. E, de repente, abre a camisa e exibe a medalhinha negra, microescultura de dragão chinês: “Tira energias negativas”. É de pó de carvão de bambu.

Saiba Mais
Bambu de Corpo e Alma, de Marco Antonio dos Reis Pereira e Antonio Ludovico Beraldo (Canal 6, 2007).
Associação Catarinense do Bambu: www.bambusc.org.br
Sítio Vagalume, de Marcos Marques: www.sitiovagalume.com
Bambu Brasileiro: www.bambubrasileiro.com

Por: Mylton Severiano e Katia Reinisch

generic viagra cheap Best deal generic viagra cheap tablets in the uk does from india work cheapest online sellers soft directions pill comparison cialis.
buy generic viagra Buy best quality generic Viagra with 100% satisfaction guaranteed at 4rx.com generic Sildenafil Citrate is safe and secure, buy Viagra online
viagra super store viagra super store viagra results pics which is better viagra or cilas expiration date of viagra viagra original use viagra and also order viagra online
viagra cheap online Buy Viagra and other cheap Generic Drugs: Viagra no perscription usa customs online without prescription at cheap prices.
viagra cheap online Buy Cheap Viagra Online Without Prescription! Generic and brand drugs with 100% satisfaction guaranteed. Lowest Prices and Satisfaction Guaranteed!
online viagra pharmacy Buy viagra pharmacy online. Approved Canadian Healthcare. Free samples for all orders! Top-quality drugs at discount prices
order viagra Online Where to Buy Phentermine, Cialis, Viagra and Tramadol Online Cheap. … customer feedback, and offer new customers a discounted price on first time orders.
buy levitra cheap Let us discuss some of the benefits of Levitra over other medicines for erectile dysfunction, which will be helpful for you to decide, why to go for levitra. Buy levitra cheap.
buy clomid What are the common dosages of Clomiphene citrate? You can buy generic Clomid(Clomiphene) in a form of tables: Clomid 25mg and Clomid 100mg.
buy kamagra Using KAMAGRA a man can respond to sexual stimulation during a sexual encounter and once it is over the erection goes away. So buy Kamagra 100mg
buy viagra Buy Generic Viagra Canada. Online Drug Store, Best Prices. We accept: Visa, ACH. Best medications for real men!
buy lasix Buy lasix, He too was abandoned by his professors
buy nolvadex Buy Tamoxifen Citrate 20mg with no prescription from International generic online pharmacy and save up to 70%. Nolvadex is used by bodybuilders
buy amoxil To avoid such unpleasant situations, you should buy Amoxil online. Advantages of order Amoxil online: you do not need to go to hospital during the high

Comments are closed.